Dicas para Financiamento de Veículos

Confira algumas dicas para financiamento de veículos e saiba como se organizar para fazer o melhor negócio…

Independentemente de sua renda, os brasileiros têm comportado cada vez mais parcelas na aquisição do automóvel. Com a perspectiva de dividir a prestação ao longo de 80 meses, comprar um carro tornou-se um objetivo viável para um número muito maior de pessoas.

Ainda que a casa própria seja o principal sonho da população, um veículo costuma ser a primeira grande meta atingida. Como consequência, a quantidade de carros na rua segue crescendo anualmente.

dicas para financiamento de veiculos

Financiamento de Veículos

Dicas para Financiamento de Veículos

Apesar da ampla oferta de crédito, os especialistas alertam sobre alguns cuidados a serem tomados antes de se firmar um compromisso de longo prazo. Pode não parecer inicialmente, mas esses valores podem prejudicar o orçamento familiar.

Portanto, é importante organizar-se financeiramente até para evitar que o veículo seja apreendido futuramente.

1. Pesquise as condições de financiamento

Feche contrato somente após avaliar as taxas do mercado e informar-se sobre as parcelas em diferentes locais. Essa medida é fundamental porque os juros tendem a variar bastante de acordo com a operadora de crédito.

Ter diferentes custos efetivos totais para apresentar amplia o seu poder de negociar e, portanto, de fechar um contrato vantajoso com o seu banco ou com qualquer outra entidade financeira.

2. Conheça o custo real do seu parcelamento

Não importa se você pretende comprar o primeiro carro ou se a ideia é trocar o seu modelo atual por um tipo mais sofisticado, o financiamento do automóvel desejado tem um custo. E o preço real, chamado de custo efetivo total (CET) da operação, não inclui apenas as taxas de juros determinadas pela instituição financeira.

Embora fique nas letras miúdas dos anúncios, o CET representa uma despesa total que engloba tarifas, juros, IOF, seguro e demais encargos eventuais.

3. Avalie o preço final do bem financiado

As inúmeras parcelas permitiram o acesso da classe C a um artigo anteriormente considerado de luxo. No entanto, o preço total do veículo eleva-se muito conforme se aumenta também o uso do carnê de prestações.

Simulações demonstram que um veículo quitado em 48 meses tem um encarecimento de cerca de 60% em relação ao valor à vista.

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *